sexta-feira, 11 de março de 2011

110.


Consigo ver-te, meu nem sempre doce. Vejo cada passo teu, cada passo estrategicamente dado teu. Não estavas à espera que visse, pois não? Não esperavas que fosse capaz de tanto, eu sei-o. Nunca subestimes uma mulher apaixonada, pequeno rasgo de céu. Íncrivel como isto soa tudo a cliché - de um verde enjoativo. Que nem sémen ressequido num lençol branco de orgasmos impregnados. A verdade é que te vejo, a toda a hora. Sentes-te ameaçado agora, rasgão de alma? Pareceu-te, isto, uma ameaça? Há uma linha – uma linha bem ténue – entre os limites que compreendem um aviso e uma intimidação. Trata-se da entoação que aplicamos à frase. Sentis-te algum tom ameaçador na minha voz? Todos nós temos uma carta debaixo das mangas empoeiradas de mentiras. O truque é levar-te a acreditar que a que escolheste foi única e exclusivamente opção tua. Consigo senti-la, aí, escondida por entre os meandros do pecado. Agora é a tua vez - escolhe uma carta, pequeno rasgo de luz.

10 comentários:

filipa disse...

"O truque é levar-te a acreditar que a que escolheste foi única e exclusivamente opção tua. Consigo senti-la, aí, escondida por entre os meandros do pecado."
perfeito maria .

Ligações disse...

Até eu te começo a ver, seduzes-me completamente, mas acho que começo a ganhar o jeito...

Ligações disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ligações disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ligações disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ligações disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ligações disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marisa disse...

esta belo. muito belo!

Maria Sirgado Ruas disse...

Digo o mesmo de ti. É evidente. És poderosa, aguçada nas palavras. Para mim, uma das melhores qualidades que uma mulher deve ter. Agradeço imenso a tua opinião Maria, e continua, não mudes nunca esta tua fantástica percepção.

Vânia disse...

Arrepias-me Maria ! Incrível que não me consigo cansar de ler estes tesouros. Escusado será dizer que és linda e sinto a tua falta no facebook. Beijinho e continua com estas relíquias maravilhosas *